Tag: Odontologia

Sorridents é case de sucesso no especial Novos Empreendedores, da revista Meu Próprio Negócio

No alvo, a nova classe média

Por Milton Correia Jr.

A rede Sorridents completou 17 anos de atuação no mercado brasileiro como a maior rede de clínicas odontológicas da América Latina. A empresa foi fundada em 1995, no bairro popular de Vila Cisper, na zona leste de São Paulo (SP), pela dentista Carla Renata Sarni. Ascendeu à rede de franquias em 2005, com o propósito de oferecer à população a oportunidade de tratamentos odontológicos de qualidade. Filiada à Associação Brasileira de Franchising (ABF), a marca está presente em 14 Estados brasileiros, com 170 clínicas e já atendeu mais de 1,3 milhão de pacientes.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Dra. Carla Sarni, fundadora da Sorridents, fala sobre empreendedorismo à revista Claudia

Elas inovam, inspiram e fazem dinheiro

Por Maria Laura Neves

Uma revolução silenciosa está acontecendo na economia do País. As mulheres estão tomando a frente na criação das empresas no Brasil. Em 2001, somente um terço dos novos negócios surgia pelas mãos delas. Hoje, são responsáveis por metade deles.

“Eu tinha 8 anos e voltava da escola com a minha mãe e meu irmão quando passamos em frente de uma barraca que vendia morangos. Ele pediu uma caixa para ela. Minha mãe respondeu que não podia comprá-la. O dinheiro estava contado para o jantar. A cena ficou na minha cabeça durante anos. Não conseguia entender como uma pessoa  não podia comer tudo o que tinha vontade. Fiquei inconformada. E esse sentimento moveu a minha vida”, diz a dentista Carla Sarni, 37 anos, dona da Sorridents, a maior rede de clínicas odontológicas da América Látina, com 83 unidades em 14 estados do país.

Para ler a notícia na íntegra, clique na imagem abaixo

Carla Renata Sarni, presidente da Sorridents, conta trajetória de sucesso à TV Estadão

Queremos ter 300 clínicas abertas até 2013, diz Carla Sarni, da Sorridents

Fundadora da maior rede de clínicas odontológicas da América Latina planeja expansão da marca e prepara a abertura de unidades em Portugal e Angola.

Por Letícia Bragaglia

À frente Sorridents, a maior rede de clínicas odontológicas da América Latina, Carla Sarni trabalha até 16 horas por dia. Aos 37 anos, mãe de dois meninos, a empresária se orgulha de ter conquistado a liderança no setor sem perder o foco da marca, cujo diferencial, segundo ela, é atender o cliente da melhor forma possível. “Trato rico e pobre da mesma maneira. Nunca dei o cano em nenhum cliente, e sempre liguei para todos os pacientes no final do expediente, para saber como eles estavam”.

Para ver o vídeo da entrevista, clique na imagem abaixo

Parte 1

Parte 2

Jornal O Globo destaca sucesso do Empredonto, programa de empreendedorismo da Sorridents

Curso tem objetivo de transformar dentistas em empreendedores de sucesso

Sorridents, maior rede de franquias odontológicas do País, investe em orientação de empreendedorismo para seus franqueados. A empresa criou um curso de especialização em gestão odontológica com o objetivo de aumentar o rendimento das unidades. De acordo com Carla Renata Sarni, presidente e fundadora da rede, “é imprescindível que os dentistas, que compõem a maior parte dos franqueados da rede, tenham o DNA empreendedor”.

Para ler a reportagem, clique na imagem abaixo

Carla Renata Sarni, presidente da Sorridents, conta sua história de empreendedorismo no programa Elas e Lucros, da rádio 107,3 FM

Empresária fala sobre como montou a maior franquia odontológica do País

Carla Renata Sarni iniciou sua carreira empreendedora vendendo água e roupas para pagar a universidade. Hoje ela é proprietária da maior rede de clínicas  odontológicas do Brasil. Esta trajetória foi tema de uma entrevista no programa Elas e Lucros, veiculado pela rádio 107,3 FM.

Tudo começou com a vontade de vencer, com o . A profissional sempre se esforçou para ser independente financeiramente e crescer profissionalmente. Como dentista, multiplicou o número de pacientes do seu terceiro emprego em SP, comprando a carteira de clientes logo em seguida. Foi assim que ela montou a sua primeira clínica.

Em 1995, a Sorridents formatou o processo de franquias e atualmente possui 160 unidades em 11 estados brasileiros. O projeto de expansão é chegar em 2016 com 500 filiais. Atualmente, a Sorridents é reconhecida pela qualidade de seu atendimento e do material usado nas clínicas da rede, aumentando o número de pacientes a cada dia.

Para ouvir a entrevista na íntegra, clique abaixo.

http://mais.uol.com.br/view/7w8w3j51ajh8/programa-elas-e-lucros–14092010-tercafeira-0402993172C4B963C6?types=A&

Revista Época São Paulo destaca perfil empreendedor de Carla Sarni, presidente da Sorridents

Ela faz todo mundo sorrir

Vendedora das boas, a dentista Carla Sarni virou empresária e montou uma rede de 113 consultórios com serviços a preços populares

por Regiane Teixeira

Ela fez a primeira venda de sua vida aos 8 anos de idade. A oportunidade surgiu por acaso: uma caixa cheia de rolos de linhas foi entregue, por engano, na pequena loja de roupas de sua mãe, em Pitangueiras, município de 30 mil habitantes no interior paulista. Antes que o material fosse parar no porão, Carla Renata Sarni levou tudo para frente do comércio e vendeu as linhas em voz alta. Com o dinheiro , a menina começou a juntar dinheiro para comprar uma bicicleta.

Nascia ali a vendedora. Anos depois, Sarni se formou dentista na Universidade José do Rosário Vellano (Unifenas), em Minas Gerais, mas continuou vendedora: seus custos eram pagos vendendo roupas nas repúblicas de estudantes. “Carla nunca teve vergonha de vender nada”, diz sua mãe, Edith Sarni. “Na época da faculdade, eu chegava com as roupas, ela ia até a lanchonete, batia palmas e chamava as pessoas para ver a mercadoria. Em pouco tempo, vendíamos tudo”. Hoje, aos 36 anos, Carla é a dona da Sorridents, franquia de serviços odontológicos com 113 consultórios em oito Estados do país – e uma das maiores da América Latina.

Clique na imagem abaixo e leia a matéria na íntegra

Carla Sanchez, da Sorridents, na Revista Viva Saúde

Qual é a forma certa de usar o fio dental?
Terezinha Ramos
São Bernardo do Campo

Para a correta higienização, a ponta do fio deve estar enrolada no dedo médio de cada mão. E o fio, de 45 cm aproximadamente, esticado entre o polegar e o indicador, deixando um pedaço de 10 m livre. “Passe o fio entre os dentes sem pressionar a gengiva, fazendo um movimento de vai e vem. A operação deve ser repetida em cada dente e um novo pedaço de fio utilizado”, explica Carla Sanchez, odontologista e consultora técnica da rede Soirridents. O fio dental pode ser usado antes ou depois da escovação.

Leia mais clicando aqui

Sorridents no jornal Brasil Econômico

A nova classe média leva a família ao encontro do sorriso perfeito

Respeito ao consumidor de baixa renda serviu de base para uma atividade rentável.

Ela começou na periferia, na Vila Cisper, extremo leste da cidade de São Paulo. Há 15 anos o seu consultório funcionava no andar de cima de uma padaria. A clientela era o que hoje a mídia reconhce como novos consumidores, pessoas da camada social C/D/E para quem não havia opção. Ou prouravam tratamento em clínicas om pouca estrutura ou enfrentavam o alto custos de locais sofisticados. A proprietária percebeu a oportunidade e prourou adequar o consultório à demanda e o equipou com aparelhos de primeira linha.

Clique aqui para ler a matéria completa

Sorridents é destaque na Revista Carreira & Negócios

De sorriso largo

Rede de franquias Sorridents investe em projetos sociais para atender clientela de baixa renda

A rede de clínicas Sorridents copleta 15 anos de atuação no mercado odontológico e quem comemora é a população carente de São Paulo. O motivo? A criação do Instituto Sorridents, que teve como primeiro projeto o Consultório Móvel, uma van adaptada que presta atendimento odontológico. O objetivo é atender cerca de três mil pacientes ao mês nas regiões mais carentes da cidade de São Paulo, onde o acesso a população a tratamenos odontológios em clínicas convencionais é mais difícil.

Leia a matéria completa aqui

Ortodontista da Sorridents informa sobre os tipos de aparelho na Revista Capricho

Érica Sallum, ortodontista da Sorridents (ES), dá informações à Capricho sobre os diferentes tipos de aparelho.

Sorriso na linha

Gabriela Cartaxo
Tudo começa com a visita ao ortodontista, o denstista especializado em colocar o aparelho ortodôntico. Se ele achar que você realmente precisa usar aparelho, não se desespere. Para o bem de nossa vaidade, existem várias opções para você escolher. Conheça dos modelos tradicionais aos supermodernos e ache o seu tipo ideal.

Leia a matéria completa clicando aqui