Tag: jurídico

L.O. Baptista Advogados participa de matéria da Reuters

O pessimismo começa a ser percebido no setor de infraestrutura por conta da pandemia e o Fernando Marcondes, sócio da área de infraestrutura do L.O. Baptista Advogados, conversou com a Reuters sobre o assunto.

Trabalhar a opinião da fonte em temas factuais é uma das possibilidades exploradas pela assessoria de imprensa.

Veja!

https://br.reuters.com/article/businessNews/idBRKBN23G2RV-OBRBS

Patricia Peck, do PPP Advogados, dá entrevista ao Jornal Nacional nesta terça-feira (02/04)

Patricia Peck, sócia do PPP Advogados e especialista em direito digital, fala nesta terça-feira, 02 de abril, ao Jornal Nacional. O tema da entrevista à repórter Graziela Azevedo é a entrada em vigor da lei 12.737/12, mais conhecida como ‘Lei Carolina Dieckmann’, a primeira a abranger o universo dos crimes digitais.

Acompanhem a matéria a partir das 20h30 na Rede Globo.

Revista Época destaca condenação de criminoso digital. Perito Wanderson Castilho, da E-Net Security, foi quem investigou o caso e reuniu provas.

Justiça condena difamação na web

Por Celso Masson

Foram quatro anos de inferno. A Justiça percebeu que eu era vítima de um homem que cometeu assassinato moral“. A declaração é de Rose Leonel, jornalista de Maringá, Paraná, após a condenação de seu ex-namorado, Eduardo Gonsalves. Ele publicou fotos íntimas da moça na internet e a anunciou como prostituta em sites pelo mundo.

Gonsalves foi condenado a 1 ano e 11 meses de reclusão em regime semi-aberto e, durante esse período, terá de pagar R$ 1,2 mil mensais a Rose.

A maior dificuldade nos crimes virtuais é reunir provas. Rose Leonel contratou o perito Wanderson Castilho, que rastreou o endereço de onde surgiam as mensagens, um shopping onde o criminoso possui loja.

Velloza, Girotto e Lindenbojm no Valor Econômico

Os cinco anos da nova Lei de Falências

OPINIÃO JURÍDICA
Mareska Tiveron Salge e Leandro Vilarinho Borges

A nova Lei de Recuperações e Falências – Lei n° 11.101, de 2005, completa hoje cinco anos de vigência. Aproveitemos esse marco cronológico para fazer uma reflexão se de fato a nova lei já foi colocada à prova e qual o nível de eficiência que já teria atingido até o momento.

Saiba mais