Tag: hematologia

Coluna Mercado Aberto, do jornal Folha de S. Paulo, destaca construção de nova sede da HORIBA em Jundiaí

Nipônica

Por Maria Cristina Frias

A multinacional japonesa HORIBA, que produz equipamentos para análises clínicas e científicas, vai transferir sua fábrica de São Paulo para Jundiaí.

“A fábrica da capital já não tem capacidade para atender a atual demanda”, diz o presidente da empresa no Brasil, Hamilton Ibanes.

Para conferir a nota na íntegra, clique na imagem abaixo.

Notícia sobre a nova fábrica da HORIBA ganha a capa do jornal Brasil Econômico

Japonesa Horiba investe R$ 15 mi em nova fábrica

Por Martha San Juan França

A multinacional japonesa Horiba, conhecida no Brasil como fabricante de equipamentos e reagentes para diagnósticos, quer aproveitar o bom momento do mercado e ampliar suas atividades no país. Para isso, planeja construir uma fábrica em um terreno de 10 mil metros quadrados na cidade de Jundiaí, interior de São Paulo, com previsão de funcionamento no primeiro trismestre de 2013. Ali, a Horiba pretende abrigar inicialmente as operações de duas das cinco divisões que compõem o grupo, conhecido mundialmente pelo desenvolvimento de alta tecnologia aplicada em equipamentos para medição e análise de processos industriais.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo:

Brasil Econômico publica artigo com a assinatura da HORIBA

Diagnóstico simples para cortar custos

Por Ana Paula Carrières Munhoz, gerente comercial da HORIBA

Com a ameaça de volta da CPMF (Contribuição Provisória Sobre Movimentação Financeira), que tem como principal destino o investimento em saúde pública, retorna a discussão sobre como investir nesta área e se o problema realmente é financeiro. O tributo foi cobrado por dez anos e a melhora nas condições de saúde dos brasileiros foi muito pequena.

Para ler o artigo na íntegra, clique na imagem abaixo

Liderança de mercado coloca Horiba em destaque na Folha de S. Paulo

Grupo Japonês prioriza, no Brasil, pequenos clientes

No embalo do aumento da demanda por serviços de saúde no país, a Horiba, fornecedora do setor de diagnósticos médicos, muda a estratégia de negócios.

O foco agora está nos pequenos e médios clientes – laboratórios, clínicas e hospitais-, especialmente no Nordeste.

“É uma demanda não atendida pelos grandes fornecedores por uma questão de preço mais alto”, afirma Hamilton Ibanes, presidente da Horiba no Brasil.

Segundo o executivo, existem cerca de 10 mil potenciais clientes desse tipo espalhados pelo país. Já os de grande porte são 500.

Para atender os menores que estão “fora do foco da concorrência”, a empresa aposta em parcerias locais para fazer a distribuição de seus produtos.

Já são 17 parceiros e o plano é que esse número aumente para pelo menos um em cada Estado.

Clique na imagem abaixo e confira a matéria na íntegra