Tag: crescimento

Paulo Schiavon, diretor de planejamento da Enken, fala à revista Place sobre o crescimento do e-commerce no mundo da moda

E-commerce na moda

Por Camila Dias

Com uma gama infinita de facilidades para os consumidores, o e-commerce cresce constantemente no Brasil e no mundo. Segundo dados da empresa e-bit, consultora em compras online, em 2012 as vendas aumentaram em 20%, com relação ao ano anterior e o faturamento no Brasil foi de 22,50 bilhões de reais. Boa parcela desses números corresponde ao segmento de moda que, em menos de dois anos, passou da 26ª posição de maiores vendas para o quinto lugar, logo atrás de beleza e saúde.

Para Paulo Schiavon, diretor de planejamento e mídia da Enken, empresa especializada em marketing integrado e e-commerce, as lojas virtuais conquistam clientes com sua versatilidade, por atendê-los em diferentes localidades e momentos da vida, durante 24 horas, todos os dias, na comodidade do lar, do escritório ou onde o consumidor preferir. Ele ressalta que,  se combinadas às lojas físicas, as vendas online só geram benefícios. “Os dois tipos de negócios são complementares, não excludentes”, diz.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Valter Pieracciani, da Pieracciani Desenvolvimento de Empresas, fala ao jornal DCI sobre novo pacote de inovação anunciado pelo governo

Mercado elogia incentivos de R$ 32,9 bi na área de inovação

Por Maria Carolina del Ré

As empresas especializadas nas áreas de tecnologia e consultoria para a iniciativa privada estão animadas com o anúncio do governo, de R$ 32,9 bilhões em crédito para impulsionar, por meio da inovação tecnológica, a produtividade e a competitividade em diversos setores da economia.

Valter Pieracciani, sócio da consultoria especializada em inovação Pieracciani Desenvolvimento e Empresas, entende que o movimento do governo foi muito positivo, mas será necessário recuperar um atraso de quase três décadas.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Crescimento do Grupo Container é tema de matéria no Diário de Pernambuco (PE)

Grupo Container planeja unidade em Pernambuco

Por Mariana Gominho

O Grupo Container, com 18 operações no Nordeste e um escritório no Recife, tem planos de abrir uma fábrica em Pernambuco, gerando cerca de 100 empregos diretos. O terreno, em Jaboatão dos Guararapes, já está em fase de negociação. A boa-nova foi anunciada essa semana pelo CEO André Krai, que visa ampliar a participação da empresa no estado, inclusive com abertura de lojas próprias.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Patricia Peck Pinheiro, do PPP Advogados, assina artigo sobre marketing digital na Revista da ESPM

Os impactos legais do marketing na web

Marketing digital não deve ser de modo algum entendido ou praticado como uma invasão de privacidade. Estamos vivenciando um novo contrato social, em que o indivíduo barganha a sua informação em troca de algum benefício. No entanto, isso não pode representar um cheque em branco, visto que, quando não fica transparente a questão da privacidade e do limite de uso dos dados, e há incidente ou ruído na web, quem sai perdendo é a marca.

Para ler o artigo na íntegra, clique na imagem abaixo

Infracommerce é tema de matéria institucional no jornal Brasil Econômico

Infracommerce inicia atividades neste mês no comércio on-line brasileiro

Por Cristina Carvalho

O potencial de crescimento de 25% para este ano no mercado de e-commerce brasileiro, que tem faturamento estimado em R$ 28 bilhões, segundo dados do e-Bit, tem sido um chamariz para novos investimentos nessa área. Um exemplo que confirma o aquecimento do setor é o lançamento nos próximos dias da Infracommerce. A companhia tem foco no fornecimento de serviços completos para criação e gestão de lojas online e é formada por profissionais nacionais e estrangeiros especializados no tema.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Paulo César Costa, fundador da PH3A, é destaque da coluna Decisão Difícil da revista Você S/A

Exílio do Mercado

Por Vanessa Vieira

Questão de Carreira
Quem nunca sonhou em ganhar muito dinheiro e se aposentar ainda jovem? Em 2006, o cientista da computação Paulo César Costa teve essa oportunidade, mas optou por retornar ao mercado. Há seis anos, a Informarketing, empresa de serviços tecnológicos para marketing direto, desenvolvida por ele virou caso de sucesso.

O dilema
O sucesso do negócio atraiu a atenção do grupo Experian, líder em serviços de análises e de marketing e gerenciamento de riscos. Paulo César recebeu uma proposta para vender a empresa por um valor que lhe permitiria se aposentar aos 41 anos.

A decisão
“Em abril de 2007 fechei a venda da Informarketing. Caso não vendesse, automaticamente ganharia um concorrente que é líder global nesse segmento. Se eu tinha 70 desenvolvedores trabalhando para mim na época, eles poderiam contratar 300. Não foi fácil. A gente sempre diz que quer ganhar na Mega-Sena e se aposentar, mas não é assim. Tentei ficar quatro meses sem fazer nada e, por incrível que pareça, foram os piores meses da minha vida. Viajei, realizei sonhos de consumo. Aí veio a pergunta: e agora? Neste ano estou retornando ao mercado com uma empresa de soluções de e-commerce para companhias de pequeno e médio porte, a PH3A. Os custos do e-commerce costumam ser proibitivos para essas empresas”.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Karin Campos, diretora da GVP IT Solutions, e Carla Renata Sarni, fundadora da Sorridents, são destaque em matéria de capa sobre mulheres empreendedoras do jornal O Estado de S. Paulo

Elas contam como viraram mulheres de negócios

Por Cris Olivette

A advogada Helena Toledo é empresária há apenas dois anos e conta que está adorando a nova condição. “É uma iniciativa bastante desafiadora e me sinto realizada”. A cada obstáculo superado, Helena se descobre uma pessoa empreendedora. “Tenho uma veia de marketing que eu desconhecia. Porém, para lidar com as finanças estou fazendo cursos no Sebrae”, revela.

Assim como Helena, em dez anos mais de 441 mil mulheres ingressaram no mundo dos negócios só no Estado de São Paulo. Estudo do Sebrae-SP aponta que nesse período a participação feminina cresceu 25%, o que demonstra que as mulheres têm muito o que comemorar no próximo 8 de março, Dia Internacional da Mulher. Agora, elas são mais de 1,43 milhão.

Na visão da diretora de gestão de pessoas da GVP IT Solutions, empresa especializada em tecnologia e inovação para gerenciamento empresarial, Karin Campos, não existe uma fórmula pronta para as mulheres serem empresárias de sucesso.

A dentista Carla Renata Sarni, fundadora da franqueadora Sorridents Clínicas Odontológicas, afirma que também conciliou muito bem a maternidade com os negócios. “Sou uma mulher muito prática. Nos dois partos que tive fiquei em  casa cerca de dez dias apenas. Claro que para continuar trabalhando precisei montar uma estrutura”.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Diretor da UNS Idiomas fala ao Jornal do Comércio (MG) sobre cursos para executivos nas férias

Profissionais usam férias para estudar

Por Julia Duarte

Um semestre em um mês

O período de férias também é o momento de adiantar os estudos quando o assunto é idioma. Muitos alunos aproveitam para cursar um módulo inteiro em apenas um mês.

Na UNS Idiomas a demanda maior nesta época do ano é pelo curso intensivo completo, que dura um ano e meio. Neste ano, especialmente, a procura está ainda maior. O gerente de franquias da rede, Carlos Coelho, afirma que a Copa do Mundo, em junho de 2014, está fazendo com que as pessoas corram contra o tempo quando o assunto é o ensino de inglês.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Guia Para Montar Seu Próprio Negócio entrevista diretor da UNS Idiomas em matéria sobre franquias de educação

A hora é agora

Por Luciana Fuoco

A abertura de uma escola de idiomas no Brasil é uma das opções de investimentos que apresentam grande potencial de crescimento para os próximos anos.

De olho na concorrência
Se o mercado está aquecido é inevitável que a concorrência se estabeleça e, nesse setor, não é diferente. Para Carlos Coelho, gerente de franquias da UNS Idiomas, superar concorrentes demanda oferecer produtos e serviços diferenciados, com foco principalmente naquilo que o consumidor busca.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Enken e underDOGS participam de matéria sobre crescimento das empresas de marketing on-line no jornal Valor Econômico

Mídias sociais demandam especialistas

Por Jacilio Saraiva

As agências de propaganda online estão crescendo com a oferta de ações nas redes sociais. Segundo empresários do setor, os clientes querem transformar os endereços eletrônicos em pontos de venda eficientes. Por isso, pedem campanhas para atrair visitantes e contratam serviços de mensuração de resultados.

Na Enken, dona de contas como Gafisa e Citizen, a tática para conquistar mais contratos é investir em propostas para planejamentos estratégicos anuais, com atendimento no meio digital e off-line. “A ideia é se afastar de contratações pontuais e garantir o desenvolvimento de projetos”, diz o fundador da empresa, David Reck.

Na underDOGS, dona de um faturamento de R$ 3 milhões em 2011, a receita para criar um ambiente motivador e reter talentos combina ações como dias de folga, café da manhã, campeonatos de vídeo game e poker, além de frutas e sucos disponíveis o dia inteiro.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Carlos Eduardo Stefanini Carvelatti, da Finnet, assina artigo sobre meios eletrônicos de pagamento no jornal Brasil Econômico

Meios eletrônicos de pagamento e a democratização do conceito – 2.0

Desde a criação da internet, durante a Guerra Fria até o gerenciamento 2.0, é notória a evolução tecnológica e a convergência do setor, caracterizada pela transição da moeda física a utilização de cartão de débito/crédito, chegada das lojas virtuais, como também formas de pagamento eletrônico e compra de produtos via mobile. No mercado B2B, a democratização dos meios eletrônicos é vista com bons olhos. As pequenas, médias e grandes empresas, que compraram softwares comercializados por poucas companhias de TI, hoje estão livres para escolher portais totalmente integrados às instituições financeiras, tornando acessível para qualquer empresa a gestão inteligente dos negócios.

Para ler o artigo na íntegra, clique na imagem abaixo

 

Dr. Ventura Alonso Pires, do Pires e Gonçalves Advogados, fala sobre desapropriação ao jornal DCI

Nas desapropriações, cautela previne perdas, diz advogado

Por Leda Rosa

O principal problema enfrentado por quem sofre desapropriação de algum imóvel em São Paulo é a diferença entre o valor oferecido pelo órgão público e o ofertado pelo mercado.

“Em média, a defasagem entre esses dois valores gira em torno de 40% a 50%”, diz Ventura Alonso Pires, sócio do Pires e Gonçalves Advogados Associados, que atua há 15 anos em desapropriações.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Especial Novos Empreendedores, da revista Meu Próprio Negócio, destaca história de sucesso da rede UNS Idiomas

Do zero ao milhão

Por Milton Correia Jr.

Uma escola de idiomas com método diferenciado de aprendizado e voltada para um público-alvo bem definido foram os fatores que levaram o empresário Marcel Magalhães – mesmo com pouco investimento -, em apenas um ano e meio, a atingir faturamento anual de R$ 1 milhão.

Formado em administração de empresas, Magalhães havia trabalhado em uma multinacional e em um banco antes de ser contratado como assistente comercial de uma escola de inglês em Goiânia. Lá, iniciou o desenvolvimento do projeto de expansão das unidades da escola por todo o Brasil e, assim, ganhou experiência e cresceu profissionalmente. Em 1999, ao ser transferido para São Paulo, Magalhães – na época com 27 anos e no cargo de diretor comercial -, já tinha uma visão própria de como um bom negócio deveria ser conduzido. Assim, decidiu desligar-se da rede e, com sua esposa, abriu em 2003 sua próprioa escola, a UNS Idiomas.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

História da Avell, fabricante de notebooks, é tema de matéria no Estadão

‘A dica é manter o foco e se especializar’

Por Cris Olivette

Emerson Salomão nasceu em Londrina, mas foi criado por um tio que morava em uma cidadezinha do interior do Paraná. “Fiquei órfão muito cedo e quando fiz 18 anos, achei que era hora de cuidar da minha vida. Fui para Joinville (SC), determinado a montar meu próprio negócio.” Em 2004, ele criou a Avell, marca de notebooks de alto desempenho.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Case de sucesso da Pieracciani Desenvolvimento de Empresas é destaque em matéria de quatro páginas na Época Negócios

Acabou a dor de cotovelo 

Por Marcelo Cabral

Os cotovelos de Gábor Deák estavam doendo. Presidente da unidade brasileira da fabricante de componentes automotivos Delphi, ele diz que sempre sentia uma pontinha de ciúme quando visitava a sede global da empresa e via placas sobre produtos inovadores da Índia, da China, dos EUA, mas nenhum do Brasil.  Algo precisava mudar.

A saída encontrada pelo executivo atende pela sigla ABNT 16.501.Por trás dessa sopa de letras e números há uma norma criada no final do ano passado pela Associação Brasileira de Normas Técnicas com o objetivo  de gerir processos inovadores dentro das empresas nacionais. Num trabalho pilotado por Valter Pieracciani, membro da comissão que criou a 16.501 e sócio da consultoria Pieracciani, a Delphi ajustou todos os seus procedimentos e se tornou a primeira companhia a obter o selo.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo