Category: Rádio

web

Como a internet mudou o jornalismo?

A internet mudou a forma de trabalhar para muitas profissões. O jornalismo é, certamente, uma das mais afetadas pelas novas tecnologias. Publicações impressas disputam audiência com veículos digitais e produtores independentes. E todos entraram na dança do maior duopólio que há no mundo digital — Google e Facebook. O texto corrido dá lugar à repetição de palavras-chave do SEO. Isso quando não é substituído por imagens, gifs ou vídeos. Na era digital, o trabalho jornalístico se tornou muito mais que simplesmente informar o leitor: é preciso engajá-lo, torná-lo parte do processo de comunicação.

Tais mudanças afetaram a forma que jornalistas e assessores de imprensa pensam em pautas, se relacionam, fazem pesquisas, encontram personagens para ilustrar seus artigos e trocam informação durante o processo de produção de conteúdo. Confira abaixo as principais mudanças que o jornalismo sofreu com os avanços da tecnologia.

Read More
poder-da-influencia

O poder da influência

O primeiro episódio da terceira temporada de Black Mirror, série original da Netflix, mostra uma sociedade cuja moeda corrente é a influência digital. A trama apresenta a vida de uma moça com pontuação de 4,2 estrelas que se desespera para alcançar um score melhor ao receber o convite de casamento de uma amiga com 4,9 estrelas. Parece absurdo, mas não é.

Com a popularização da internet todos nós passamos a ser produtores e disseminadores de conteúdo. Essa produção intelectual virou negócio. Fóruns no mIRC deram lugar a plataformas de troca de arquivos, salas de bate-papo foram substituídas por redes sociais, youtubers conquistam audiências que fariam inveja a emissoras de tevê, blogueiros são integrados a grandes portais de notícias, tuiteiros viram marketeiros de políticos e grandes empresas, instagramers tornam-se celebridades. A transformação se acontece à medida que essas pessoas, que até então cidadãos comuns, alcançam cada vez mais audiência e passam a ser formadores de opinião.

Read More
redessociaisjuridico

Escritórios de advocacia devem usar redes sociais?

Estar ou não nas redes sociais é um tema de debate extenso entre profissionais do direito e escritórios de advocacia. O Código de Ética da prática advocatícia e o Provimento 94/2000 são claros quanto à presença de profissionais liberais do direito e escritórios de advocacia nestes canais: é permitida e recomendada a participação em redes sociais se o conteúdo produzido tiver caráter informativo, que agregue conhecimento e valor à área.

Qual o caminho para uma presença relevante nas mídias sociais, que não tenha caráter comercial, agregue valor ao escritório e preste serviço informativo aos usuários? Confira abaixo algumas dicas.

Read More
assesoria-imprensa-escritorios-advocacia

Como escritórios de advocacia podem fortalecer suas marcas por meio de Assessoria de Imprensa?

Escritórios de advocacia enfrentam diariamente um problema que profissionais de diversas outras áreas de atuação não possuem na hora da busca por novos clientes: as limitações que o Código de Ética da prática advocatícia e o Provimento 94/2000 impõem acerca de publicidade. Para profissionais do direito é proibida a criação de campanhas publicitárias com foco estritamente comercial nos veículos tradicionais.

São autorizados, no entanto, a ter sites, blogs e páginas nas redes sociais e a utilizá-los para fazer anúncios online como Adwords (em canais de busca), mas não podem lançar mão de seus canais de web para ofertar serviços, como atender ou fornecer consultas via e-mail, redes sociais e WhatsApp.

Read More
expo abióptica 2017

Os resultados de assessoria de imprensa da Expo Abióptica 2017

A Ideias & Efeito Comunicação foi a assessoria de imprensa oficial da Expo Abióptica 2017, o maior evento do setor óptico da América Latina, que ocorreu entre os dias 24 e 27 de maio, em São Paulo. A estratégia de divulgação com as mídias eletrônica, digital e impressa foi direcionada para as principais cidades e capitais do Brasil e envolveu dezenas de sugestões de pauta, convites a jornalistas e influenciadores, produção de notas e releases trabalhados por meio de 17 temas nas editorias de negócios, moda, cidades, celebridades e saúde.

A assessoria de imprensa conquistou 106 inserções na imprensa em 86 veículos estratégicos para a entidade organizadora do evento, a ABIOPTICA (Associação Brasileira da Indústria Óptica). Do número total de publicações, 64 ocorreram antes do evento, 28 durante o evento e 14 pós-evento. Publicações sobre a Expo Abióptica e sobre o setor óptico no geral foram feitas em 80 veículos online, 14 veículos impressos, 2 programas de TV, 2 programas de rádio e em 8 canais em redes sociais.

Os principais destaques alcançados pela Ideias & Efeito Comunicação incluem matérias sobre o setor nos jornais Valor Econômico, Folha de São Paulo, DCI, Diário de Pernambuco, Diário do Nordeste, revista NOVAREJO, nas emissoras TV Gazeta e TV Brasil, Rádio Bandeirantes (Campinas) além de  inserções de vídeo na página do Facebook da Revista Estilo.

Confira outros resultados da Expo Abióptica em nosso blog.

Mílton Jung entrevista Dr. Fabio Chong, do L.O. Baptista Advogados, para o Jornal da CBN

Terceirização aprovada é mais dura que a do ano passado, diz advogado trabalhista

Especialista em direito trabalhista e sócio do L.O. Baptista Advogados, Fabio Chong afirma que o projeto de 1998 aprovado recentemente na Câmara dos Deputados prevê menos garantias e possui menos limitações ou exigências do que o aprovado ano passado.

Para ler ou ouvir a matéria, clique aqui.

 

 

Plano de Negócios, o novo blog da Folha de S. Paulo, conta história de franqueado da rede Doutor Lubrifica

Crise lança demitidos no empreendedorismo, mas falta de planejamento gera riscos

Por Filipe Oliveira

Adriano Amaral, 31, foi demitido da empresa na qual trabalhava havia dois anos e meio como técnico em mecânica em dezembro do ano passado. A companhia reduziu em 90% seu quadro de funcionários.

O desemprego o fez tomar a iniciativa de abrir uma unidade da franquia Doutor Lubrifica, de serviços automotivos, há um mês. Amaral trabalha na cidade de Capão Bonito (SP),  junto com sua noiva. Ele visita os clientes e faz trocas de óleo e ela marca atendimentos e envia orçamentos.

Ele conta que investiu R$ 55 mil para abrir o negócio. O valor inclui taxa de franquia, estoque, capital de giro e um carro. “Tive um pouco de medo da crise, sim. Mas penso que abrir uma empresa é sempre difícil, tudo depende do esforço de cada um”, diz o empresário.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem aqui.

Jornal Bom Dia Maranhão, da TV Globo, noticia sucesso da Sorridents Clínicas Odontológicas na região

Pesquisa de mercado é essencial para sucesso nos negócios

Ferramenta ajuda a enxergar se mercado está saturado, por exemplo. Assunto foi destaque da série ‘Ação que Gera Emprego’, do JMTV 1ª Edição

Ter clientes felizes com o serviço que oferece é um dos objetivos da odontóloga e empresária Carla Sarni. Ela se tornou a odontóloga mais conhecida do Brasil pela visão empreendedora que a levou a montar a maior rede de clínicas odontológicas do país.

A história de sucesso começou há cerca de 20 anos, no subúrbio de São Paulo. Filha de família humilde, ela não tinha como sair da faculdade e montar um consultório e foi em busca de emprego. Vieram os dois primeiros e não era o que a jovem dentista esperava da profissão. No terceiro, ela se encontrou. “Apesar do consultório ser muito simples, era limpinho e como o dono não era dentista, ele me entregou para administrar. E, ali, eu comecei a fazer a odontologia que eu queria”, contou Sarni.

Para assistir a matéria, clique aqui.

Dr. Mario Pereira, do L.O.BAptista-SWMFA Advogados, fala sobre recursos hídricos no jornal Correio Braziliense

A guerra pelo uso da água

Por Silvio Ribas

Os riscos cada vez mais próximos de racionamento de eletricidade, devido ao baixíssimo nível dos reservatórios das hidrelétricas, e de colapso na rede de abastecimento de água para a região metropolitana de São Paulo, a maior do país deixaram cristalina e crescente insegurança hídrica da população. A crise também derrubou o mito de que o país tem fartura de água doce, por abrigar 12% do estoque disponível no planeta. O drama da escassez já começa a pesar no bolso. E, para superar o perigo de ficar no escuro e de ver as torneiras secarem, os brasileiros são desafiados a poupar o líquido essencial à vida.

Para Márcio Pereira, especialista em meio ambiente  do L.OBaptista-SWMFA, falta foco estratégico no planejamento  nacional de usos dos recursos hídricos. “Apesar de os comitês de bacia mobilizarem a população, o marco regulatório não avançou  na criação de mecanismos para superar conflitos entre usos diversos da água , como as brigas entre irrigação e geração elétrica e o impasse entre as duas maiores metrópoles do pais”, citou.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo 

A11-ECO-0604.qxd

 

Equipe Ideias & Efeito recebe Roberto Nonato, apresentador da rádio CBN, para um café da manhã e bate-papo

A equipe da Ideias & Efeito recebeu o apresentador Roberto Nonato, da rádio CBN, para um café da manhã e bate-papo sobre as relações entre Assessorias de Imprensa e veículos de comunicação. O profissional falou sobre o que realmente interessa em uma sugestão de pauta, melhores formas de abordagem do jornalista na redação e deu dicas sobre como aproximar clientes e imprensa.

A atualização sobre os bastidores da notícia e o fomento do relacionamento com jornalistas dos principais veículos nacionais são parte do trabalho da agência e refletem em qualidade de resultados.

Jornal Meio & Mensagem destaca expansão das redes de franquias Container e Sorridents no interior de São Paulo

O Eldorado do novo capitalismo brasileiro

Por Walter Falceta Jr.

A notícia virou manchete dos principais veículos de economia e negócios do País no ano passado: o interior de São Paulo superou a região metropolitana do Estado, que inclui a capital e 38 municípios, e se tornou o maior mercado consumidor do País. Com um PIB superior ao de países como a Nova Zelândia, o território “caipira” fortaleceu-se no contexto de desconcentração do crescimento, que ganhou força nos últimos cinco anos.

Se existe um traço distintivo nesse crescimento interiorano, é justamente o fortalecimento de novos players em mercados de rápida ascensão. É o caso da Sorridents, rede de clínicas odontológicas fundada em 1995 com franquias há oito anos. Hoje, a marca está presente em 14 Estados brasileiros e informa já ter atendido a mais de 1,3 milhão de pacientes. Em 2012, o faturamento da empresa foi de R$180 milhões.

Caminho semelhante tem seguido a Container Ecology Store, do empresário da área têxtil André Krai, fundada em 2009. Mais uma vez, o diferencial está no modelo inovador do negócio. Trata-se de uma rede de lojas de roupas multimarcas que utiliza containêres como estruturas físicas. A rede, que registrou faturamento de R$ 20 milhões em 2012, possui 70 unidades em funcionamento, em 24 Estados brasileiros. Nove delas situam-se no interior de São Paulo.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo 

 

 

Dr. Ventura, do Pires e Gonçalves Advogados, fala sobre desapropriação em entrevista à rádio Estadão

Desapropriação de imóveis na região da Av. Jornalista Roberto Marinho

Devido à construção da linha 17 Ouro do Metrô,  haverá muitas desapropriações de imóveis na região da Av. Jornalista Roberto Marinho. Dr. Ventura Alonso Pires, sócio do Pires e Gonçalves Advogados Associados, fala sobre os problemas desse caso, explica como deve ser o procedimento e quais são os direitos dos moradores.

Para ouvir a entrevista na íntegra, clique no link abaixo

Entrevista – Parte 01

Entrevista – Parte 02

Brasil Econômico entrevista Michel Portino, do grupo Tie, sobre o 2° Fashion Law Brasil

Moda inicia temporada de proteção intelectual no país

Por Juliana Garçon

O aumento de renda, a internacionalização de marcas brasileiras e a chegada no país de grifes de luxo estrangeiras estão movimentando o setor de moda e, por consequência, as discussões judiciais em torno do universo fashion, que enfrente dificuldades peculiares – a necessidade de provar a inovação – e conta com mecanismos específicos para proteção dos direitos, exigindo dos profissionais conhecimento não apenas sobre direito, mas também sobre arte e design.

“A indústria brasileira de moda vem passando por modificações, com mais profissionalismo, formalização, exportações de maior valor agregado e reconhecimento no exterior de marcas e estilistas”, afirma o advogado Michel Portino, do grupo Tie, organizador do 2° Fashion Law Brasil, um evento dedicado ao tema.

Para ler a matéria na íntegra, clique na imagem abaixo

Jornal da CBN entrevista Patricia Peck Pinheiro, do PPP Advogados, sobre educação digital no Brasil

Questões de segurança na internet ainda são pouco discutidas com as crianças

 

Patricia Peck Pinheiro, especialista em Direito Digital e fundadora do PPP Advogados, falou ao vivo na quinta-feira, 11/10, ao Jornal da CBN, apresentado por Milton Jung. O tema da entrevista foi o panorama da educação digital no Brasil.

Para ouvir a entrevista na íntegra, clique no player abaixo